sábado, 30 de abril de 2011

É Neste Sábado: Sarau Dos Mesquiteiros!



















Anote na Agenda:


Sábado, 30 de ABRIL

das 18hs as 20:30hs

...música-dança-grafite-teatro

mesa-de-pintura-pra-molecada

microfone aberto pra poesia


ATIVIDADES ESPECIAIS:

- BRASIL, Outros 500

- Dia Mundial do Livro

Presença do SARAU NA BRASA!

tudo na faixa!


(menos os comes e bebes, é claro!)



 










Na EE Jornalista Francisco Mesquita

Rua Venceslau Guimarães, 581

Jd. Verônia - Erm. Matarazzo



Compareça, divulgue!

Apoio:











SOBRE O SARAU dos MESQUITEIROS


O Sarau dos Mesquiteiros é o primeiro - e único - sarau que acontece regularmente dentro de uma escola pública na periferia de São Paulo. Realizado periodicamente todo último sábado de cada mês, há quase um ano foi aberto a comunidade do Jd. Verônia (Ermelino Matarazzzo - Zona Leste) e é uma extensão do projeto Literatura (é) Possível, coordenado pelo educador e escritor Rodrigo Ciríaco e que há cinco anos é desenvolvido na Escola Estadual Jornalista Francisco Mesquita.

Dentre as atividades organizadas pelo projeto além do Sarau, estão os Encontros Literários, Oficinas Lítero-Teatrais, apresentação de esquetes e espetáculos elaboradas a partir de adaptações de contos e poemas de autores periféricos, além de palestras, exposições e a produção de fanzines.

Os Mesquiteiros é o nome do coletivo responsável pelo desenvolvimento de todas estas atividades. Formado por jovens e adolescentes residentes no bairro, demonstra na prática, nas palavras e na teoria a articulação política e ativismo cultural existente na quebrada, que vai além da simples contestação e do reclamar, mas apresenta ações concretas de transformação, mostrando que nós somos possíveis.

Re-existência. Política, cultural e social. Hoje e sempre!

Os Mesquiteiros - Literatura (é) Possível.

http://www.mesquiteiros.blogspot.com/

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Quando Garoto.


















Era só ficar sentado na calçada
e eu ali a fazer nada
olhando o ano passar
e o dia a se acabar

E agora a segunda vai chegar
ônibus cheio, gente a conversar
eu ali no meio, indo trabalhar
e o pior, sem um som pra escutar

Hoje nostalgicamente lembrei
De tanta gente que quando criança encontrei
E tudo era alegria
E com todos eu brinquei

Mas também hoje fico esperando
Uma chance possível de reviver
Esses tempos idos que o poeta citou
E que ainda esperando estou

De ficar sentado na calçada ao entardecer
Esperando a oportunidade
de mais nada acontecer
que belo prazer

Nunca pensei em ter saudade
de todo o nada que havia vivido
 “Se eu soubesse
que era bom ser criança,
 não tinha crescido”

Que saudade de fazer nada
mas bem de vagar
só pra ter o prazer
de não acabar.

sábado, 23 de abril de 2011

A Culpa.

 














Seria delírio sonho ou visão,
De quem seria a culpa?
Minha, sua ou do patrão?

Ou do político?
Creio que não!
De quem seria então?

Podemos procurá-los,
tentar apontá-los,
levá-los a júri popular,
mas popular mesmo,
aqueles que estão em desespero,
na batalha do dia-a-dia,
na verdade os guerreiros,

São eles que não se entregam,
que não traem por dinheiro,
se existe uma herança,
eles não são herdeiros,

Primeiro
muitos os pais não conheceram,
Cresceram
mais não desenvolveram,

Será que a culpa não lhes pertence?
vivem levando chibatadas,
e nem se quer sentem,

ou são das crianças?
que ao nascer já nos preocupa,

É deles eu sei que não,
pois brincam contentes,
pensamentos puros sem cadeado,
nem ao menos uma corrente,

Pensei nas empresas de tabaco!
e aqueles que vendem o álcool,
escravizando assim,
os escravos do sistema,
que não conheceram o amor,
sem saber que vale a pena,

Acho que a culpa é minha!
não propaguei o amor no meio da rua,
ou ela me inibiu,
pois eu cresci com a TV,
e ela me excluiu,

Ah! A culpa é do ladrão ou não?
ele não teve escolha,
só restou essa opção,

Cheguei à conclusão!

a culpa é dos trabalhadores,
dos pedreiros e catadores de papelão,
das pessoas que comem
o que chega ao lixão,
que ao invés de roubar,
pegam resto e imaginam pão,

Uma certeza eu tenho,
que a culpa não é do patrão,
porque se todos fossem como ele,
não haveria exclusão.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Cultura na Praça Mandou Avisar Que é Só Chegar!














Convite para o evento Cultura na Praça, esse evento pretende ser uma celebração dos artistas em algum lugar público, dessa vez será na favela santa Inês, que fica na Rua Cinturão Verde em frente ao número 471.

Teremos a participação do Samba no Asfalto, CIA de Dança Perfil, Teatro Infantil com Ricardo Reis e outras atividades de quem chegar e colar.

Quem tiver de boa e quiser conhecer um pouco mais de Ermelino Matarazzo cola no no esquema. Lembrando que lá acontecerá 6 Oficinas Culturais.

Bom! A arte é simples, mas estão as informações necessárias.

Abraço,

Chapéu.

É isso aí...estamos pegando fogo mesmo,

várias atividades para nós, muito loko tudo isso!!!
 
http://culturanapraca.blogspot.com/

quinta-feira, 21 de abril de 2011

No Nordeste.


Quando fui ao nordeste
conheci a verdade
sobre o cabra da peste

Vi o sujeito cortar
o bode com canivete
se duvidas vai lá
e faça o teste

Vi ainda que
cidade grande é tudo igual
o descaso e a segregação social
vários nas calçada
pedindo um real

Mas vi também
muita coisa linda
simplicidade calor humano
por la eu vi
cada vez mais raro
ver isso por aqui

Fui ao interior
me espantei
como podia
tratar um estranho tão bem

Procuravam o melhor lugar
pr'eu poder ficar
até sangraram a cabra
pr'eu poder me alimentar

Estranhei
por nunca ter visto aquilo
pois vivo na selva de pedra
onde o amor é um símbolo

Dias maravilhosos
que passei por lá
em minha mente
registrado está
e com a maior certeza
que um dia irei voltar!

terça-feira, 19 de abril de 2011

O Buzo Mandou Avisar Que, HOJE !!!! (terça 19/04) tem SUBURBANO EM DEBATE no Bixiga....



















Primeiro "SUBURBANO EM DEBATE" de 2011


O tema do primeiro Suburbano em Debate do ano é: Hip Hop e suas mudanças.

E pra debater teremos Rhossi (ex Pavilhão 9), Quelinah (filme: Antônia) e o MC Rincon Sapiência, mediador: Alessandro Buzo

* Gratís
Local: Livraria Suburbano Convicto
Rua 13 de Maio, 70 - 2o and

Bixiga (11) 2569-9151

http://www.livrariasuburbanoconvicto.blogspot.com/
suburbanoconvicto@hotmail.com
 

domingo, 17 de abril de 2011

Projeto Marginaliaria Apresenta, Cine Rua do Crime.


Dia 17/04 - Projeto Marginaliaria apresenta: Cine Rua do Crime as 19:00 hrs.

Exibição do Filme Em defesa da Honra
Rua Suaçuapara nº174
JD Helena - São Miguel

Como chegar:















http://www.projetomarginaliaria.blogspot.com/

terça-feira, 12 de abril de 2011

Sexta-Feira 15/04 Sarau na Universidade de São Paulo (USP Leste)














Aproximação da Universidade com a população

O projeto político de instalar uma sede da universidade mais conceituada do Estado de São Paulo na periferia da zona leste é elogiável em alguns aspectos, entretanto, a maior crítica sobre a universidade é a não apropriação dos espaços/bens públicos dispostos pela própria população da zona leste.

Visando quebrar esta barreira ideal que a Associação de Arte e Cultura Periferia Invisível vai realizar, em parceria com a Associação Atlética Acadêmica de Gestão de Políticas Públicas, o “Sarau na EACH” - Escola de Artes, Ciências e Humanidades. A proposta do sarau é a de aproximar a população local do patrimônio que lhes é de direito e que estes usufruam os equipamentos que a Universidade dispõe – biblioteca, quadras, laboratórios e etc.
O Sarau acontecerá em três horários e contará com a participação da população, dos alunos da universidade e de diversos grupos, entre eles:

- Marginaliaria
- Os Mesquiteiros
- Tenda Literária
- Final de Semana Cultural
- MAIA – Meio ambiente
- Vande Che – Graffiteiro
http://www.projetomarginaliaria.blogspot.com/

http://www.barracodasideias.blogspot.com/

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Me Entristece.













Continuamos a regar as flores
Com sangue pólvora e chumbo
Acredito que sejam as piores dores
Causada para uma mãe no mundo.

Pense no impacto causado
Acostumada a vê-las brincando
E um corpo pequeno sendo velado
E uma mulher chorando.

Só elas para serem irresponsáveis
Ao ponto de nos deixar sem jeito
Fazendo-nos perguntas não palpáveis
Chegando a faltar ar em nosso peito.

Como não gostar de criança
Entre todas as maravilhas
É o maior sinal de esperança.

Choram sem medo e não se envergonham
Com uma simples promessa
Fecham os olhos e sonham.

Como soldados na guerra que causam terror
Fuzilamos e deixamos em caixas e sacolas
O que era pra ser resultado de um grande amor.

O BUZO Mandou Avisar Que Nesta terça (12/04) tem #SarauSuburbano no Bixiga



















2 super lançamento, um literário e outro um EP
Iremos receber a escritora Goli Guerreiro de Salvador-BA, além vem lançar o livro TERCEIRA DIÁSPORA.

Outro lançamento dessa edição do #SarauSuburbano é o EP "MILIONÁRIO EM TREINAMENTO" do Terra Preta.

Além dos lançamentos, exibição do Clipe "CRISES" do mesmo Terra Preta.

Além de muita poesia e free style.

Venha assistir ou participar, todos serão bem vindos.

Alessandro Buzo
http://www.sarausuburbano.blogspot.com/

* Sorteio de Cd's e camisetas do grupo MENTS CRIMINAIS

* VRAS77 irá fazer um vídeo do SARAU....

#LIVRARIA 4ANOS

quarta-feira, 6 de abril de 2011

AGENDA PROJETO MARGINALIARIA.









15/4 sarau na USP Leste as 19:00 projeto marginaliaria


1/05 1º de maio na praça da Sé das 10:30 as 13:30 horario da apresentação ainda nao definida

21/05 gravação do DVD ao vivo no teatro Periferia Invisivel as 19:00

31/05 apresentação no Vocacional apresenta, as 20:00 CEU Aricanduva

É Só Chegar!

terça-feira, 5 de abril de 2011

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Pedrinho.











Pedrinho
sempre quis ser jogador de futebol
mas ninguém o avisou
que nem todos tem seu lugar ao sol

campinhos de terra, panela vazia
essa era a rotina toda santo dia
labutava na feira levando sacola
mas sempre tinha tempo
pra jogar sua bola

sonhando ser estrela
sem pensar na vida torta
sempre pensa em uma casa
pra mãe e os irmãos
que apesar de muitos filhos
sofre com a solidão

ela insiste pra ele estudar
mas ele ainda garoto
só pensa em jogar

até que um dia decidiu
no estudo se aplicar
aprende o valor do conhecimento
e vai de livro adentro

pesquisa, pré vestibular!
não foi o primeiro
mas passou em um bom lugar

e viu que sua mãe tinha razão
alguns anos veio a formatura
e aquele Pedrinho
ninguém mais segura

sua coroa
não estava presente
só no coração

estudou e se formou
logo seu vulgo mudou
agora Pedrinho
não quer mais ser jogado

e quem o conheceu garoto
tem o maior prazer
de chama-lo de Doutor.

domingo, 3 de abril de 2011

Pra Quem Pensou Que Nada Mais Aconteceria, O VAI Aprovou O PROJETO MARGINALIARIA.
















 Marginaliaria é um coletivo cultural que busca través da música, literatura e do teatro expressar a sua crítica quanto às problemáticas sociais que vivenciamos no nosso cotidiano.

Nosso repertório alia ritmos como o Soul, Blues, Rap e Samba, expoentes da literatura periférica como Ferréz, Alessandro Buzo, Sacolinha entre outros e no teatro, os textos "Quero", "Dois perdidos numa noite suja" e "Navalha na Carne," de Plínio Marcos. Essas referências juntas, formam um material autêntico e marcante.

Texto: Débora Garcia.

Para conhecer melhor a proposta do projeto é só acessar.